Viver

Conservação e Restauro

conservação e restauro

Biblioteca e Arquivo Municipal de Felgueiras
4610-102 Felgueiras
Tel. 255 318 140
E-mail: ofrestauro.docgraficos@cm-felgueiras.pt
GPS: 41º22'01.59''N | 8º12'06.02''W

Atividade
A Oficina iniciou a sua atividade em 1997 com a missão de preservação e recuperação do património documental em suporte papel, pergaminho e encadernações à guarda do município, bem como, o de entidades externas. O seu quadro técnico é composto por 2 técnicos profissionais em conservação e restauro de documentos gráficos.

Nos primeiros tempos, após uma ação de divulgação junto de instituições públicas dos serviços prestados pela Oficina, esta conseguiu captar o interesse de bibliotecas e museus e de alguns particulares, para os quais efetuou serviços de conservação e restauro.

O ano 2000 representou um salto no currículo da Oficina, ou seja, foi celebrado um Protocolo entre os Municípios de Felgueiras e Viana do Castelo para a prestação de serviços de conservação, restauro e acomodação de documentos do Arquivo Municipal. Em 2001 mais um Protocolo mas, desta feita, com o Município de Torres Vedras para os documentos da Biblioteca Municipal.

Hoje, a denominada Oficina de restauro, a par da prestação de serviços de conservação e restauro para entidades externas efetua o tratamento por intervenção direta nos documentos do Arquivo Municipal de Felgueiras, no património documental da Biblioteca Municipal, e do Centro de Documentação da Casa do Risco.
 
Participa, ainda, em iniciativas de caráter pedagógico, tais como, visitas de estudo, acolhimento de estagiários, ateliers sobre a história e reciclagem de papel e papel marmoreado. Mais, a solicitação do SABE, promoveu um curso de reparação de livros correntes e encadernação de fascículos para os professores bibliotecários. 
História

A Oficina de Conservação e Restauro de Documentos Gráficos de Felgueiras é um projeto resultante de um trabalho de parceria entre a Câmara Municipal de Felgueiras, a Ader-Sousa – Associação de Desenvolvimento Rural das Terras do Sousa e a Escola Profissional de Felgueiras.

A Câmara Municipal de Felgueiras iniciou o projeto Conservação e Restauro, quando em 1992, apresentou uma candidatura ao Programa Terras do Sousa promovido pela Ader-Sousa no âmbito do Leader. A candidatura contemplava 7 medidas e à medida 4, que consistia em “Pequenas empresas, artesanato e serviços de proximidade”, a Câmara propôs, entre outras, a criação de uma Oficina – Escola de Restauro e Conservação. Esta tinha como objetivos: dar resposta às bibliotecas e arquivos detentoras de documentos que necessitassem de ser restaurados e, ainda, formar técnicos na área da conservação e restauro de documentos gráficos.

A Ader-Sousa, Associação para o Desenvolvimento Rural das Terras do Sousa, foi a entidade que aprovou e financiou a candidatura para a criação da Oficina – Escola de Conservação e Restauro, bem como a formação dos técnicos.

A Escola Profissional de Felgueiras, na altura propriedade da Câmara Municipal de Felgueiras, surge como entidade formadora, ou seja, coube-lhe a responsabilidade de organizar cursos na área da conservação e restauro de documentos gráficos.

Em 1993, no âmbito do Prodep cofinanciado pelo Fundo Social Europeu, a Escola Profissional de Felgueiras organizou um Curso de Técnicos Auxiliares de Conservação e Restauro de Documentos Gráficos, Nível III. Este teve a duração de 705 horas complementado por 441 horas de estágio.

Terminado este curso e verificando que alguns formandos evidenciaram notável habilidade manual, técnica e científica para a arte da conservação e restauro, é proposto a dois deles integrar o quadro técnico da Oficina. A necessidade de reforçar a formação desses técnicos levou a Escola Profissional de Felgueiras a avançar com uma proposta para uma Ação de Formação Avançada em Conservação e Restauro de Documentos Gráficos. Esta Ação de Formação Avançada, promovida pela Ader-Sousa no âmbito do Leader II e cofinanciada pelo Fundo Social Europeu compreendeu uma componente teórica de 750 horas e uma componente prática de 3240 horas.

A componente prática incidiu sobre a manufatura do papel, sobre a conservação, restauro e acomodação de documentos avulsos e documento livro e sobre as técnicas de restauro em pergaminho.

Serviços

Conservação e restauro de documentos gráficos de tipologias diversas: manuscritos, pergaminhos, mapas, cartazes, gravuras, desenhos, livros, jornais;
Encadernação manual;
Acomodação de documentos.

Tabela de taxas e licenças - Artigo 14.º - Oficina de Restauro
a) Serviços prestados pela Oficina de Restauro - por hora: 14,93 €
b) Acresce ao valor anterior o custo com o material específico
utilizado: Variável
c) Elaboração do orçamento: 14,93 €

Antifonário

Jornal

Livro

Boletim Municipal #11 2017
Cm Felgueiras 2018 - Todos os direitos reservados
Desenvolvido por