Notícias

Jovens Felgueirenses estimulados para interagir mais com os colegas

09-03-2015

DSC_0013

DSC_0020

DSC_0042

DSC_9991

Felgueiras alerta os jovens para a importância da partilha e da entreajuda, dando a conhecer o associativismo, através da promoção e oferta de um livro intitulado “A Brincar, Vamos Associar”.

A mensagem foi transmitida no dia 07 de março, numa iniciativa realizada no auditório da Biblioteca e Arquivo Municipal de Felgueiras, que visa sensibilizar e promover as vantagens da cooperação, do trabalho em equipa, do estímulo para o associativismo e da prática de Jogos Tradicionais enquanto elemento identitário, junto das crianças e adolescentes.

Perante mais de uma centena de pessoas, entre elas, crianças, jovens, pais e professores, o presidente da Câmara Municipal, Inácio Ribeiro, realçou que a autarquia acedeu rapidamente ao desafio porque o considera “de grande relevância pedagógica”.

A vereadora da Cultura, Carla Meireles, sublinhou a pertinência da ação.“ Os jovens dedicam cada vez mais o seu tempo às novas tecnologias, isolam-se e ficam privados de contactar pessoalmente com pessoas da idade deles. Acedemos prontamente a este projeto, porque a autarquia tem um papel importante na formação dos cidadão e esta iniciativa vai, com certeza, consciencializar todos os que estão aqui para a importância de transmitir às crianças valores fundamentais para o seu desenvolvimento intelectual, social e físico”.

O vice-presidente da Confederação Portuguesa das Coletividades de Cultura, Recreio e Desporto (CPCCRD), Bessa Carvalho, destacou o objetivo da edição do livro. “Queremos que as crianças e jovens tenham noção de que existem mais formas de se entreterem para além das novas tecnologias. Apelamos para que aprendam a desenvolver jogos tradicionais que exigem o contacto humano, o discurso, a conversa, a competição. Que haja uma interação geracional em prol do associativismo”.

Na altura, o representante associativo lançou um desafio às escolas para que estas “participem neste trabalho e que os professores motivem os alunos a perguntarem aos pais e avós quais os jogos que praticavam”.

O vice-presidente da Confederação apelou para que as escolas recolham a informação trazida pelos jovens e a forneçam à instituição por ele representada que está a fazer de um levantamento jogos tradicionais da região.

No âmbito deste projeto foram oferecidos 500 exemplares e distribuídos pelas crianças e jovens que frequentam o 1.º e 2.º Ciclo em escolas do concelho. Cada agrupamento recebeu 100 livros.

O livro “A BRINCAR, VAMOS ASSOCIAR!”, foi editado pela CPCCRD e Montepio Geral.

Os alunos do concelho selecionados que não puderam marcar presença nesta sessão irão também receber o livro.

Boletim Municipal #10 2017
Cm Felgueiras 2017 - Todos os direitos reservados
Desenvolvido por